Despesas com termelétricas tiveram aval do TCU, diz representante do governo
Comissão Mista da Medida Provisória (CMMPV) n° 879 de 2019, que autoriza ressarcimento à Eletrobrás por gastos com combustíveis, realiza audiência pública com a participação de representantes do Ministério de Minas e Energia(MME), Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig).rrMesa:rpresidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Urbanas do Estado do Amazonas (STIU/A), Edney Martins;rassessor da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), André Patrus Ayres Pimenta;rsecretária Executiva do Ministério de Minas e Energia (MME), Marisete Fátima Dadald Pereira;rpresidente da CMMPV 879/2019, deputado Edio Lopes (PL-RR);rrelator da CMMPV 879/2019, senador Otto Alencar (PSD-BA;rex-Coordenador Geral da Diretoria de Distribuição da Eletrobrás, Marcos do Nascimento Pereira.rrFoto: Roque de Sá/Agência Senado

Despesas com termelétricas tiveram aval do TCU, diz representante do governo

A Medida Provisória 879/19, que autoriza a União a pagar até R$ 3,5 bilhões à Eletrobras por despesas com termelétricas, não inclui valores que não tenham aprovação dos órgãos de…

Continuar lendo
Fechar Menu