O Coletivo Nacional de Saneamento ao longo dos últimos anos teve participação direta na construção de várias políticas públicas. Com sua contribuição foi criado, no governo popular e democrático, o Ministério das Cidades e sancionada a Lei 11.445/07, que estabeleceu as diretrizes para o setor, uma ferramenta essencial para a discussão e o financiamento do saneamento público no país, algo inédito até aquele momento.

O Coletivo tem uma trajetória pautada na luta em defesa do saneamento público e com controle social, por entender que não há país soberano que a água seja tratada como mera mercadoria. Por isso, a mobilização na atual conjuntura, onde um governo ilegítimo atua para privatizar as empresas de saneamento, exige mais do que nunca de unidade nas ações. E esse é o papel do Coletivo.

O Coletivo Nacional de Saneamento atua ao lado da Frente Nacional pelo Saneamento Ambiental – FNSA – que integra entidades de diversos setores ligadas à luta em defesa da água e do saneamento enquanto direito e não como mercadorias. Essas mesmas entidades participaram da fundação do Observatório Nacional dos Direitos à Água e ao Saneamento – Ondas -, que está em fase de estruturação.

Entre em contato conosco para saber mais sobre o Coletivo de Saneamento da FNU.
Secretário de Saneamento da FNU –  Fábio Giori Smarçaroemail: fabiogiori13@ig.com.br

FRENTE NACIONAL EM DEFESA DO SANEAMENTO AMBIENTAL
A FNU integra a Frente que defende o saneamento público, de qualidade e para todos.
Veja as entidades que compõe:
. ABES – Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental
. AESBE – Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento
. APAR –  Agência. Reguladora de Saneamento e Energia
. Assemae – Associação Nacional dos Serviços Municipais de Saneamento
. CAU – Conselhos de Arquitetura e Urbanismo
. Fenatema – Federação Nacional dos Trabalhadores em Energia, Água e Meio Ambiente
. Fisenge – Federação Nacional dos Trabalhadores em Energia, Água e Meio Ambiente
. FNU – Federação Nacional dos Urbanitários
. ONDAS – Observatório Nacional dos Direitos à Água e ao Saneamento
. ISP – Internacional de Serviços Públicos

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR TODAS AS NOTÍCIAS RELACIONADAS A ÁGUA E SANEAMENTO

Fechar Menu