Na última segunda-feira (9) foram retomadas as negociações sobre a data-base 2019 entre o Sindicato dos Urbanitários e a diretoria da Cosanpa, após todo o impasse criado inicialmente pela
nova diretoria da companhia.
Os representantes da Cosanpa receberam a proposta do Sindicato que é o pagamento imediato dos
5,07% no salário de dezembro com possibilidade de parcelamento do retroativo a partir de janeiro/2020.

O Sindicato reafirmou que o debate sobre o plano de reestruturação da empresa e as discussões sobre a data-base poderão acontecer simultaneamente, mas a Cosanpa tem que necessariamente honrar o compromisso e cumprir o que foi acordado em maio quando os trabalhadores e trabalhadoras concordaram em adiar por seis meses o reajuste.
Outra rodada de negociações está agendada para a próxima sexta-feira (13), quando a empresa ficou de se posicionar sobre a proposta do Sindicato. É preciso ficar atentos e mobilizados para reagir caso a empresa continue mantendo a postura de negar a reposição salarial de seus empregados e empregadas.

Fechar Menu