Com expressiva participação de eletricitários catarinenses foi lançada no dia 14 de outubro, a Frente Parlamentar Mista em Defesa da Soberania Nacional, na Assembleia Legislativa de SC. Participaram do evento o presidente de honra da Frente, Roberto Requião e a senadora Zenaide Maia que preside a frente. A audiência pública tratou também da Defesa do Sistema Elétrico.

A Frente já foi lançada em vários estados brasileiros e onde passa é motivo de alegria e esperança para os representantes dos movimentos sociais e associações que reúnem os mais diferentes tipos de trabalhadores, além de estudantes.

Não foi diferente em Santa Catarina. O evento foi organizado por sindicatos de trabalhadores de empresas estatais, saúde e educação e pelos parlamentares catarinenses – deputado federal Pedro Uczai e deputado estadual Neodi Saretta – lotou o auditório da Alesc.

Veio especialmente para a ocasião o deputado federal gaúcho Henrique Fontana, que preside da Frente Parlamentar contra a Privatização da Eletrosul. Também se fez presente o senador Esperidião Amin.

Tanto Requião quanto Fontana defendem além da união de todos pela soberania, o enfrentamento ao atual governo. Eles vão além: propõem que, após a saída de Bolsonaro, se realize um referendo anulatório para revogar tudo ou seja, tornar sem efeito todas privatizações e medidas que atentam contra a nação e povo brasileiro.

Fonte: Ascom Sinergia-SC

Fechar Menu