Os Urbanitários repudiam a prática desumana e arbitrária da Equatorial Alagoas, que em plena pandemia, em meio a milhares de mortes, desemprego e instabilidade social e política, continua a demitir seus trabalhadores/as. Esta semana a empresa, que afirma ter compromisso social, demitiu mais 10 trabalhadores/as, sem qualquer motivação ou explicação que justifique tal ato neste momento.

A insensibilidade da empresa para com a realidade social do país é total.

A Equatorial teve lucros milionários em 2020, graças principalmente ao esforço de seus/as trabalhadores/as. O aumento no seu lucro líquido foi nada menos que 52,1%, saltando de R$ 1.484 bilhão para R$ 2.257 bilhões em 2020 comparativamente a 2019.

Com todo esse lucro a empresa não pode alegar qualquer outra motivação para as demissões, que não seja sua insensibilidade para com a vida humana, fragilizada em meio ao caos que vivemos em plena pandemia, com desemprego alarmante, a volta da fome e a miséria aumentando a cada dia.

A verdade é que a Equatorial só pensa em lucro. Só pensa em dinheiro.

Fonte: Ascom Urbanitários de Alagoas

Fechar Menu