O slogan do governador Belivaldo Chagas durante a sua campanha eleitoral foi “Veio para resolver”. Mas parece que ele esqueceu do slogan ou não deu certo, porque até agora não resolveu nada, a não ser indicar e nomear no Diário Oficial pessoas para cargos e mais cargos em comissão.

Enquanto isso, na DESO, algumas pessoas com cargo de chefia dizem ser contra a privatização da Companhia “da boca pra fora”, porque não move uma palha para defendê-la enquanto empresa pública e patrimônio dos sergipanos.

Um exemplo disso são as várias unidades de DESO paticamente abandonadas, ao Deus dará, servindo de esconderijos para marginais, usuários de drogas e outras coisas mais.

No caso da Adutora do Piauitinga e na estação elevatória Quebra Cargas, na Colônia 13, no município de Lagarto, está tudo abandonado.

E olha que tem chefe passando todos os dias pelo local e não toma nenhuma providência, deixando o caso passível de críticas e mais críticas da população e da impressa, que acabam engrossando as fileiras em favor da privatização.

É preciso solução para todos esses problemas. Chefe é para resolver!!!

Fechar Menu