Com data-base em maio e, com a Campanha Salarial 2020 se arrastando desde março passado, na
sexta rodada de negociação ocorrida no último dia 16 de setembro, a Eletrobras deixou às claras que o seu
o objetivo é, de fato, devastar aquilo que os trabalhadores construíram e conquistaram com muita luta e mobilização ao longo de anos: o Acordo Coletivo de Trabalho.

Clique no link abaixo e leia o boletim do SINERGIA-SP

**1603_Furnas Eletrobras

Fechar Menu