Organizada por movimentos sociais, FNU/CNU e ONDAS – Observatório Nacional dos Direitos à Água e ao Saneamento, audiência pública popular debateu a regionalização do saneamento no Espírito Santo, na quinta-feira (1 de julho).

Conduzida pelo secretário de saneamento da FNU, Fábio Giori, a audiência contou com a participação de João Ramos, presidente do Sindaema-ES; Hélio Anomal, dirigente do Staecnon e Fruse; Wallece Ouverney, representando a Plataforma Operária pela Água  e Energia; Marcos Montenegro, coordenador-geral do ONDAS, Marlon Barbosa, assessor jurídico do CIBAES – Consórcio Intermunicipal de Saneamento Básico do Espírito Santo; Rodopiano Marques, vice-presidente da Assemae – Associação Nacional dos Serviços Municipais de Saneamento; e Cremilde Cortes, dirigente da CUT-ES.
Leia também: Audiência sobre regionalização do saneamento no ES

Fechar Menu