Convidamos a toda categoria dos urbanitários, em especial as trabalhadoras e trabalhadores do sistema Eletrobras, para participarem do lançamento da Frente. É fundamental mostrarmos nossa força e resistência à entrega do patrimônio nacional ao setor privado

Junto com o lançamento haverá o ato de entrega das assinaturas para o referendo da Eletrobras

Na quarta-feira (21/2) acontece, na Câmara dos Deputados, o lançamento da Frente Parlamentar em Defesa das Distribuidoras de Energia Elétrica, que tem por objetivo barrar a privatização das seis distribuidoras controladas pela Eletrobras, garantindo à população o acesso universal à energia elétrica.

O evento será realizado no Plenário 2(dois) das Comissões, às 10h, na Câmara dos Deputados, em Brasília.

A venda das distribuidoras CEPISA, CEAL, ELETROACRE, CERON, Boa Vista Energia e Amazonas Distribuidora foi aprovada pela Eletrobras no último dia 8 de fevereiro. A União, acionista controladora da estatal, votou favorável à entrega das empresas, bem como, pela proposta de que a Eletrobras assuma R$ 11,2 bilhões em dívidas das distribuidoras, além de R$ 8,5 bilhões em créditos e obrigações. Assim, a Eletrobras poderá assumir um passivo de R$ 19, 7 bilhões.

O governo federal pretende arrecadar com as seis distribuidoras R$ 600 mil reais, ou seja, cada estatal será entregue, sem nenhum passivo, por R$ 50 mil. (com informações: Stiu-DF)

A imagem pode conter: céu, nuvem e atividades ao ar livre

Todos juntos contra a privatização do sistema elétrico brasileiro.
Urbanitários na luta!
Energia não é mercadoria.

Fechar Menu