Foram dois dias de intensos debates para buscar a construção de um resultados com avanços. De uma lado, a Neoenergia tentando impor números distantes do que os seus trabalhadores merecem e, do outro, os representantes sindicais com a árdua tarefa de conseguir sensibilizar a bancada patronal para evoluir no que estava sendo apresentado. Foram diversas idas e vindas, propostas e contrapropostas, ensaios e reflexão de possibilidades para chegar a uma proposta mais justa. Ao final da rodada, a Intersindical finalmente conseguiu alcançar uma proposta mais equilibrada para ser submetida a decisão soberana da categoria.

Clique no link abaixo e leia o boletim na íntegra.

Conexao_22.11.2019.indd_2pag_A4 (2)

Fechar Menu