A ISP (Internacional de Serviços Públicos) realizou, nesta semana – 6 a 9 de maio, em São Paulo, reunião do Comitê Consultivo Sub-Regional da ISP (SUBRAC) para o Brasil e o Cone Sul, com a participação nos debates dezenas de líderes sindicais de Argentina, Brasil, Chile, Paraguai e Uruguai.

A FNU – Federação Nacional dos Urbanitários – esteve representada por seu presidente, Pedro Blois, e pelas secretárias da Mulher e da Juventude, Giovana Barros e Leila Nascimento, respectivamente.

No dia 8 de maio, foi feito balanço do Congresso Mundial da ISP, ocorrido no final de 2017, na Suíça, e debates sobre os tratados comerciais (TISA, TPP sin USA, etc) que afetam as duas sub-regiões – Brasil e Cone Sul.

Já no dia 9 foram apresentados os informes e propostas dos Comitês da ISP (Mulheres, Jovens, Combate ao Racismo e LGBT), que também estiveram reunidos durante esta semana.

“Como enfrentarmos o futuro do trabalho no setor público foi um importante debate que realizamos junto aos demais sindicalistas dos países da América Latina presentes no encontro. O avanço da política neoliberal e das privatizações do setor público estão sendo vivenciados por todos e são fatores que nos une em defesa dos trabalhodores(as) e da prestação de serviços de qualidade para a população”, enfatizou Pedro Blois.

Veja mais informações e vídeos do encontro no Facebook da ISP: https://www.facebook.com/ispinteramerica/

Leia também:
. Mulheres urbanitárias representadas na reunião SUBREMUJ Brasil e Cone Sul
. Coletivo da Juventude Urbanitária presente na reunião de Jovens da ISP Brasil e Cone Sul
. A pior ameaça aos serviços já vista: EUA e UE tramam amplo Acordo sobre o Comércio de Serviços

Fechar Menu