? Parabéns a todos que fazem parte da família urbanitária! ?

A FNU – Federação Nacional dos Urbanitários – completa, neste mês de novembro (dia 20), 67 anos de uma trajetória marcada pelas lutas em defesa dos direitos dos trabalhadores do ramo urbanitário, mas que também perpassa pela defesa da soberania do país. Essa longa história iniciada em 1951, ainda no governo Vargas, em sua fase nacionalista, se construiu de forma ativa, com a participação dos seus dirigentes nas lutas nacionais, pelos direitos dos trabalhadores, por democracia e o fortalecimentos das empresas públicas nas áreas de energia e saneamento, que então começavam a estruturar no país.

A FNU superou os momentos mais difíceis, como o período da ditadura militar, e com muita luta dos dirigentes e dos seus sindicatos filiados se tornou uma referência dentro do movimento sindical brasileiro. Suas mobilizações históricas contra a tentativa de privatização da Eletrobras nos governos Collor e FHC, sua contribuição decisiva para a criação do marco regulatório do saneamento no governo do presidente Lula, os quadros cedidos para a estruturação do Ministério das Cidades. Enfim, foram muitas contribuições ao país em seus 67 anos de vida.

A FNU hoje se mostra mais ativa do que nunca, enfrentando uma conjuntura altamente adversa, diante de um governo entreguista ao extremo. Por isso, vem liderando com êxito as lutas contra as tentativas de privatização da Eletrobras e do setor de saneamento.

O reconhecimento a esse trabalho incansável da entidade foi à concessão do prêmio Lúcio Costa 2018, na categoria de mobilidade, saneamento e habitação, uma iniciativa da Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara dos Deputados. A premiação acontecerá no dia 11 de dezembro, no Auditório Nereu Ramos, na Câmara dos Deputados, em Brasília.

É uma data a ser comemorada por todos(as) trabalhadores(as) da categoria que engrandecem nossa Federação!

Pedro Blois, presidente a FNU, dá seu recado aos urbanitários(as) neste aniversário de 67 anos da Federação. Assista:

Fechar Menu