Representantes da FNU – Federação Nacional dos Urbanitários – e CNE – Coletivo Nacional dos Eletricitários – se reuniram com o presidente do Senado, Eunício Oliveira, nesta terça-feira (24/4).

O objetivo foi o de esclarecer ao senador sobre os riscos que a privatização da Eletrobras causará para toda a população e reafirmar a posição de luta da categoria por uma Eletrobras pública.

O presidente do Senado disse que é a favor da ampliação do debate e não pretende pautar o texto de “afogadilho”.

A privatização da estatal está prevista na Medida Provisória 814/2017, que também prevê a inclusão de empresas controladas pela Eletrobras no Programa Nacional de Desestatização (PND). São elas: Furnas, Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf), Eletronorte, Eletrosul e a Companhia de Geração Térmica de Energia Elétrica (CGTEE).

Fechar Menu