A diretoria do Sindaema visitou as bases essa semana, quando conversou e ouviu as diversas demandas dos trabalhadores, suas expectativas em relação aos rumos e mudanças na direção da Cesan com a saída do presidente. O presidente Fábio Giori e o diretor Leopoldino Batista estiveram no pólo e na ETA de Vale Esperança e no Edíficio Benge.

Para eles, foi muito bom sentir o carinho dos trabalhadores para com o Sindicato e ouvir em diversos depoimentos e falas o reconhecimento do trabalho desenvolvido pela direção da entidade.

“Eles reconheceram a importância do sindicato nas negociações do ACT, nas lutas em defesa e proteção dos direitos trabalhistas ao longo desses anos. Também se mostraram sensíveis ao momento delicado da atividade sindical, que sofre ataques tanto dos governos como dos patrões.  É muito gratificante estar com os companheiros e ouvir que nosso trabalho tem sido um diferencial na vida trabalhista deles. É momento de troca importante para avaliarmos nossa gestão e realinhar futuras ações”, afirmou Batista.

O presidente Fábio Giori  destacou  que o sindicato ouviu o apelo dos filiados e resolveu devolver a taxa de reforço. Mas que nessas visitas os diretores  têm explicado os reflexos negativos da reforma trabalhista nas finanças da entidade e tem feito um forte apelo pela filiação de aproximadamente 500 trabalhadores que ainda não são filiados.

 

” O reconhecimento  nos motiva a trabalhar com mais afinco e é, sem dúvida, importante para nós, mas é preciso que isso se converta em filiações para fortalecer a entidade financeira e politicamente. Todos os trabalhadores e trabalhadoras se beneficiam com as conquistas do sindicato e é justo que todos se filiem”, ressaltou Giori.

Fechar Menu