Os acionistas da Chesf e das onze Sociedades de Propósito Específico que integram os Complexos Eólicos Pindaí I, II e III, com 100 MW na Bahia, aprovaram em Assembleias Gerais Extraordinárias (AGE) a incorporação das SPEs pela companhia, informou a Eletrobras em comunicado ao mercado na última quarta-feira, 31 de março.

A operação iniciada no começo desse ano envolveu R$ 20,6 milhões e finalizou a compra da totalidade das ações pertencentes à Sequoia Capital, estando no escopo da racionalização das participações societárias da holding nos termos do seu Plano Diretor de Negócios e Gestão (PDNG 2021-2025), divulgado ao mercado no final do ano passado.

As sociedades envolvidas no processo são: Acauã Energia, Angical 2 Energia, Arapapá Energia, Caititu 2 Energia, Caititu 3 Energia, Carcará Energia, Corrupião 3 Energia, Teiú 2 Energia, Coqueirinho 2 Energia, Papagaio Energia e Tamanduá Mirim 2 Energia.

Fonte: Agência Canal Energia

Fechar Menu