Reivindicações devem ser protocoladas junto à direção da Sanepar no final de dezembro

Trabalhadores e trabalhadoras das bases dos Sindicatos majoritários (SINDAEL, SINDAEN, SAEMAC E STAEMCP) definiram em Assembleias realizadas nos últimos dias as prioridades de luta para as negociações em torno do ACT (Acordo Coletivo de Trabalho) com a Sanepar.

Foram debatidos desde o índice de reajuste a ser buscado junto à empresa, bem como melhorias nas condições de trabalho, saúde, segurança e avanços que contemplem a valorização tão esperada pelos saneparianos.

As propostas levantadas nas cinco bases dos Sindicatos majoritários serão analisadas em reuniões a serem realizadas no dia 13 de dezembro, em Maringá, e no dia 19, em Curitiba.

Um dos principais desafios é garantir a manutenção dos atuais direitos previstos no ACT, levando em conta as brechas que a nova legislação trabalhista trouxe e a intenção da diretoria da Sanepar em cortar custos.

“Precisaremos somar forças para impedir retrocessos e conquistar um acordo que contemple as necessidades dos trabalhadores e trabalhadoras, em especial daqueles que ganham salários mais baixos”, avalia Marco Antonio de Paula Santana, secretário Geral do SINDAEL. (fonte: Sindael)

Urbanitários em luta: contra à privatização do setor elétrico e do saneamento.
ÁGUA, ENERGIA E SANEAMENTO NÃO SÃO MERCADORIAS!

Deixe uma resposta

Fechar Menu