Pesquisa da consultoria política Arko Advice, feita com 153 deputados de 24 partidos, revelou que 57,5% dos deputados são contrários a privatização da Eletrobras e acreditam que a privatização não sairá este ano. A pesquisa mostrou ainda que 42,5% deles são favoráveis a privatização da empresa e 47% não se opõem a desestatização das seis distribuidoras em poder da estatal.

Lucas de Aragão, diretor da Arko Advice, considera que “essa privatização não é considerada uma prioridade para a população, que teria outros temas mais importantes para se debruçar”.

Aragão ressalta que haverá pressão por parte dos deputados na Comissão constituída na Câmara dos Deputados para analisar o projeto de lei (Projeto de Lei 9463/18) sobre a venda da Eletrobras. As maiores resistências estariam nas bancadas do Nordeste, por conta da Chesf, de Minas Gerais, pelas usinas de Furnas que ficam no estado, e na região Norte. O calendário eleitoral também pode aparecer como obstáculo ao processo. (com informações: Canal Energia)

Nossa pressão juntos aos parlamentares tem que continuar!

Não à privatização da Eletrobras!

Deixe uma resposta

Fechar Menu