Questionário aplicado pelo site G1 mostra que 26% são favoráveis; 31% a favor de privatizar somente estatais deficitárias, e 5% não quiseram responder. Foram ouvidos 412 (80%) dos 513 eleitos. Daí a importância de esclarecermos os nossos pontos de vista junto aos parlamentares e pressionar para que seja feita a entrega do patrimônio nacional!

A maioria (57%) dos 513 deputados federais eleitos é a favor de privatizar empresas estatais, indica levantamento do G1:

  • Favoráveis à privatização de estatais: 135 (26%)
  • Favoráveis à privatização, mas somente das estatais deficitárias: 159 (31%)
  • Contra a privatização de estatais: 92 (18%)
  • Não quiseram responder a essa pergunta: 26 dos 412 que responderam ao questionário

 — Foto: Alexandre Mauro/G1 — Foto: Alexandre Mauro/G1

— Foto: Alexandre Mauro/G1

Privatização de estatais

A privatização de empresas estatais foi um dos temas em discussão entre presidenciáveis durante a campanha eleitoral deste ano.

Em agosto, durante a campanha, o presidente eleito Jair Bolsonaro afirmou que “se não tiver solução”, o futuro governo poderia privatizar a Petrobras. Depois de eleito, no último dia 19, afirmou que a estatal pode ser privatizada “em parte”.

No último dia 23, Paulo Guedes anunciou a criação da Secretaria Geral de Desestatização, no âmbito do Ministério da Fazenda, como organismo responsável por conduzir as privatizações. O empresário Salim Mattar será o secretário.

Metodologia

Entre os dias 5 e 23 deste mês, o G1 aplicou aos deputados um questionário sobre 18 temas que deverão constar da pauta de debates legislativos.

Todos os 513 deputados foram contatados – 412 (80%) responderam e 101 (20%) não responderam ou prometeram enviar as respostas, mas não o fizeram.

Parte dos deputados respondeu pessoalmente ou por telefone e outra parte por e-mail, aplicativos de mensagens ou por intermédio das assessorias. Todos foram informados de que a divulgação das respostas não será feita de forma individualizada. (fonte: G1)

Leia também:
. Proposta de privatização leva Brasil de autônomo para submisso
Não precisa privatizar BB, CEF, Petrobras, Eletrobras: basta parar de remunerar todo dia a sobra de caixa dos bancos

ÁGUA, ENERGIA E SANEAMENTO NÃO SÃO MERCADORIAS!

 

Fechar Menu