Em nota divulgada na noite desta quinta-feira (22/11), a Eletrobras informou que o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) alterou a data de leilão da distribuidora da estatal no Amazonas para 10 de dezembro.

O leilão estava inicialmente agendado para o próxima dia 27 de novembro e a mudança ocorre após a decisão judicial da 49ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro que tornou sem efeito a 170ª assembleia geral extraordinária da Eletrobras (AGE 170), ocorrida em fevereiro deste ano, que votou pela venda das distribuidoras de energia da estatal. Leia: Privatização das distribuidoras da Eletrobras é anulada

A decisão judicial determina que essas empresas se abstenham de dar prosseguimento ao processo de privatização ou liquidação, e apresentem, individualmente ou de forma coletiva, no prazo de até 120 dias, após intimadas, estudo sobre o impacto da privatização nos contratos de trabalho.

Na AGE, foi autorizada a venda da Amazonas Energia, da Centrais Elétricas de Rondônia (Ceron), da Companhia de Eletricidade do Acre (Eletroacre), da Boa Vista Energia, da Companhia Energética de Alagoas (Ceal) e Companhia Energética do Piauí (Cepisa). Destas, apenas a Amazonas Energia e a Ceal ainda não foram negociadas.

A Eletrobras disse no fato relevante que a entrega dos documentos por interessados na Amazonas Energia deverá ser feita no dia 6 de dezembro, entre 9 horas e 12 horas, pelo horário de Brasília. (com informações das agências)

Leia a decisão judicial na íntegra: Decisao Justiça AGE 170

Leia também:
Anulação da privatização das distribuidoras Eletrobras: categoria precisa estar atenta e mobilizada
. Justiça cancela efeitos da AGE 170 da Eletrobras que determinava privatizações das distribuidoras
Informe Advocacia Garcez – privatização das distribuidoras da Eletrobras é anulada

ÁGUA, ENERGIA E SANEAMENTO NÃO SÃO MERCADORIAS!

Deixe uma resposta

Fechar Menu