A Eletrobras informou em comunicado ao mercado na última quinta-feira, 27 de junho, que o conselho de administração da estatal aprovou o Protocolo de Incorporação e Instrumento de Justificação visando a reestruturação societária entre as subsidiárias Eletrosul e CGTEE, visando obtenção de sinergia operacional, tributária, econômico-financeira e societária.

De acordo com a Eletrobras, a empresa resultante do processo será chamada de Eletrobras CGT Eletrosul e terá sede em Florianópolis, Santa Catarina. A aprovação ainda depende da aprovação de Assembleias Gerais Extraordinárias das respectivas empresas bem como de anuência dos órgãos reguladores e da Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais.

Fonte: Aurélio Teixeira, Agência Canal Energia

Fechar Menu