A pouco dias do Fórum Alternativo Mundial da Água, entidades capixabas se articulam para conseguir contribuições para bancar transporte e alimentação

“Água é direito, não mercadoria”. Com esse lema, o Fórum Alternativo Mundial da Água (FAMA), que acontecerá durante os dias 17 a 22 de Março de 2018, em Brasília, já está bem articulado no Espírito Santo. Além de diversos estados do Brasil, o FAMA também vai contar com o apoio de países da América Latina e outras nações, como Canadá, Itália, Espanha e Palestina

O evento é um contraponto ao autodenominado 8º Fórum Mundial da Água, considerado ilegítimo e antidemocrático, que também será realizado em Março, em Brasília. Esse 8º Fórum vai reunir as grandes corporações excluindo a sociedade do debate, ao contrário do FAMA, que será inteiramente gratuito e livre.

Para fazer parte desse movimento, cerca de 56 entidades capixabas estão articuladas no Comitê Estadual do FAMA e precisam de ajuda para bancar os custos da viagem. Juntos, eles vão debater a água na sua função social de verdade, como um bem comum, que deve ser usado por todos, mas também respeitado, pois é finito e vital.

Faça parte dessa luta também e contribua com a Vakinha https://www.vakinha.com.br/vaquinha/colabore-com-o-comite-estadual-do-fama. Precisamos atingir a meta de 20 mil até o dia 15 de Março para cobrir os custos do ônibus, cerca de R$13.400 para 56 lugares, e da alimentação para os participantes. 

Contribua com qualquer quantia e compartilhe com seus amigos. A água como direito é uma luta de todos! 

É muito fácil doar e contribuir para o Comitê Capixaba ir ao Fórum Alternativo Mundial da Água 2018 💧 Acesse bit.ly/VakinhaFAMA e nos ajude a participar do maior evento em defesa da água do planeta 🌍 e impedir que ela se torne uma mercadoria 💰

fonte: Sindaema

Deixe uma resposta

Fechar Menu